Jonilson Lessa dos Santos, apontado por testemunhas como um dos assassinos de Roberto Pereira dos Santos, foi preso, na segunda-feira (6), por investigadores da Delegacia Territorial (DT), de Ipiau, menos de 24 horas após cometer o crime.

As investigações revelaram que o homicídio foi motivado por vingança, pois Roberto havia tentado matar Jonilson, em 2013, com golpes de facão. Preso logo após o ataque, Roberto foi beneficiado com uma saída temporária por conta do feriado de Finados.
Ao ver Roberto caminhando pela rua, na noite de domingo (5), Jonilson se aproximou e efetuou um disparo que o atingiu no rosto. O autor estava acompanhado de um homem, ainda não identificado, que impediu Roberto de fugir. Jonilson desferiu ainda outros três disparos contra a vítima, que morreu no local.
O titular da DT/Ipiau, delegado Ivan Rodrigues, já solicitou à Justiça a conversão da prisão em flagrante de Jonilson em prisão preventiva. O criminoso será encaminhado ao sistema prisional.