O projeto de lei vereador Euvaldo Jorge (PPS) que pretende regulamentar aplicativos e softwares de transporte remunerado de passageiros, como o Uber, em Salvador vem causando reações entre os taxistas. O Presidente da Associação Municipal dos Taxistas (AMT) Valdeilson Miguel, afirmou que,  ao contrário do que defende o vereador, a proposta não irá melhorar em nada a mobilidade urbana.  “A normatização do Uber não significa estabelecer concorrência direta com os taxistas, pois não irão competir com os mesmos em pontos de parada e sim, em oferta de serviço por aplicativo”, sustenta.

O sindicalista reclama ainda  da atuação do vereador, alegando que sua proposta traz dificuldades para os taxistas. “Isso prejudica os profissionais que pagam impostos. Ele deveria ter o pensamento mais voltado pra cidade”, critica.

Fonte:BP