A equipe do Congo foi a campeã da Copa dos Refugiados 2019. Na disputa que aconteceu ontem (20), no Estádio Paulo Machado de Carvalho (Pacaembu), o time do Niger foi vencido por 2×0, dando ao Congo o bicampeonato. O primeiro campeonato dos congoleses foi conquistado em 2016.

Esta foi a quinta edição do evento realizado pela Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (SEME), em parceria com a ONG África do Coração. Teve início em 5 de outubro e contou com a participação de 16 equipes. Todos os jogos foram disputados no campo do Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa (COTP).

“O esporte é uma iniciativa de inclusão, integração. Hoje vimos pessoas de diferentes idiomas e culturas utilizando linguagem única, a do futebol. Com o esporte podemos provar que somos contra o racismo, a xenofobia e o preconceito.  São Paulo está dando exemplo de que é possível construir uma cidade multicolorida”, disse o secretário municipal de Esportes e Lazer, Carlos Bezerra Jr.

Nas edições anteriores venceram o Haiti (2014), Nigéria (2015), Congo (2016), Nigéria (2017) e Níger (2018).

Edição: José Romildo
Fonte:Agencia Brasil