O ano de 2017 começará no verde, pelo menos no que diz respeito à cobrança tarifária nas contas de energia elétrica. De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), no mês de janeiro não haverá cobrança extra nas contas dos consumidores, em função da bandeira verde.

Ainda de acordo com o operador nacional, a condição hidrológica favorável determinou o acionamento de térmica com Custo Variável Unitário (CVU) abaixo de R$ 211,28 por megawatt-hora (R$/MWh). O valor da térmica acionada ficou em 128,65 R$/MWh o que levou a manutenção da bandeira verde, sem custo para todos os consumidores.

Como funciona a cobrança por bandeiras:

Bandeira verde
Quando a CVU da última usina térmica a ser despachada for inferior ao valor de 211,28 R$/MWh;

Bandeira amarela
Quando a CVU da última usina térmica a ser despachada for igual ou superior a 211,28 R$/MWh e inferior a 422,56 R$/MWh

Bandeira vermelha
Patamar 1: CVU da última usina térmica a ser despachada for igual ou superior a 422,56 R$/MWh, e inferior ao valor de 610,00 R$/MWh.

Patamar 2: CVU da última usina térmica a ser despachada for igual ou superior ao valor de 610,00 R$/MWh.

Fonte Correio