Acusado de estuprar, agredir e tentar matar a ex-companheira, Luciano de Paula Silva, o Luciano Cigano, teve o mandado de prisão preventiva cumprido, no domingo (26), por investigadores da Delegacia Territorial (DT), de Castro Alves.
Ao prestar queixa na DT/Castro Alves, a vítima informou à polícia que Luciano cometeu o crime, ocorrido no dia 19 de julho de 2016, porque se recusava a pagar a pensão alimentícia, exigida por ela, para o filho do casal.
Luciano atraiu a ex-companheira para um local ermo, amarrou as mãos da vítima e a estuprou. Mais tarde, utilizando um pedaço de madeira, bateu na mulher até ela desmaiar. Depois arrastou o corpo até um matagal e a abandonou, acreditando que estivesse morta.
Quando recobrou a consciência, mesmo muito machucada, a mulher conseguiu se arrastar até a rua e pedir ajuda a um parente que reside nas imediações, sendo levada para um hospital. Luciano já está recolhido na carceragem da DT/Castro Alves, à disposição da Justiça.

Renato FerreiraNotícias2 de Julho,Advogados,Alagoinhas,Bahia,Barreiro,Bate Papo,Companheiro,Corrupção,Dilma Rousseff,econômica,Educação,Ensino a distância,notícias,Notícias da Bahia,Presidente,Santa Terezinha,Voo,xbaAcusado de estuprar, agredir e tentar matar a ex-companheira, Luciano de Paula Silva, o Luciano Cigano, teve o mandado de prisão preventiva cumprido, no domingo (26), por investigadores da Delegacia Territorial (DT), de Castro Alves. Ao prestar queixa na DT/Castro Alves, a vítima informou à polícia que Luciano cometeu o...Notícias de todo estado da Bahia, Salvador, Camaçari, Entre Rios, Alagoinhas entre Outras cidade do Estado