Após receber o empresário Joesley Batista sem agenda oficial no Palácio do Jaburu e ser grampeado, o presidente Michel Temer (PMDB) teve mais um encontro com autoridades sem constar no registro de compromissos da Presidência da República.

De acordo com a Coluna Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo, o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, serviu um jantar em sua casa para o presidente Temer e os ministros Moreira Franco e Eliseu Padilha na noite desta terça-feira (27).

Oficialmente, o Palácio do Planalto diz que o encontro já estava marcado há muito tempo e era para tratar de reforma política. No entanto, o jantar não foi informado na agenda oficial do presidente ou dos ministros.

Um dia depois do jantar com o magistrado, Temer decidiu escolher a subprocuradora Raquel Dodge para suceder Rodrigo Janot na Procuradoria-Geral da República. A escolha dela tem o aval de Gilmar Mendes.

O candidato Nicolao Dino, primeiro na votação da listra tríplice, foi preterido.

http://www.xba.com.br/wp-content/uploads/2017/06/001-4-2.jpghttp://www.xba.com.br/wp-content/uploads/2017/06/001-4-2-200x150.jpgRenato FerreiraPolíticaApós receber o empresário Joesley Batista sem agenda oficial no Palácio do Jaburu e ser grampeado, o presidente Michel Temer (PMDB) teve mais um encontro com autoridades sem constar no registro de compromissos da Presidência da República. De acordo com a Coluna Estadão, do jornal O Estado de S. Paulo,...Notícias de todo estado da Bahia, Salvador, Camaçari, Entre Rios, Alagoinhas entre Outras cidade do Estado